O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.

NATO PROTEGE O NEGÓCIO COLOSSAL DA DROGA AFEGÃ

A guerra é muito boa para os negócios e o crime organizado: a invasão do Afeganistão pela NATO elevou o comércio de ópio para valores da ordem das muitas centenas de milhares de milhões de dólares, além de ter aumentado o número de adictos de heroína nos Estados Unidos e na União Europeia.

A OFENSIVA TURCA E O QUEBRA-CABEÇAS NA SÍRIA

A invasão da Turquia é um novo episódio da guerra internacional contra a Síria. Tratando-se de uma violação da soberania síria – apesar de Ancara invocar a Carta das Nações Unidas alegando que se trata de “autodefesa” – a operação veio provocar alterações significativas nas relações de forças no terreno, e nem todas elas, porém, desfavoráveis à República Árabe Síria. O que está a acontecer revela um dos mais complexos quebra-cabeças existentes hoje no panorama internacional.

PENTÁGONO VENDE SUCATA MILITAR DENTRO DA NATO

Algures nas margens ocidentais do Mar Negro, comandantes da NATO olham o horizonte através de binóculos. Em Varna, na Bulgária, ou em Constança, na Roménia, os exércitos e as marinhas fiéis às normas atlantistas estão a rearmar-se para derrotar uma iminente invasão russa. Sem que isso seja dado a conhecer aos cidadãos búlgaros e romenos, trata-se de uma invasão que jamais acontecerá. Mas a realidade é que os dois países têm vindo a ser intoxicados nas últimas décadas por ideias sem nexo como esta - e a NATO foi inventada para protegê-los. Agora vamos contar a outra face da história.

TURQUIA AMEAÇA A SÍRIA E ABRE CONFLITO NA NATO

O anúncio feito pela Turquia de que está prestes a lançar uma grande ofensiva militar no norte da Síria, a leste do rio Eufrates, agravou a espiral de instabilidade na região, que passa agora bem pelo interior da NATO e revela até que ponto a guerra desencadeada por sectores da “comunidade internacional” contra o povo sírio e criou e multiplicou artificialmente numerosos focos de conflito.

LUCROS DO ARMAMENTO: 500% EM DEZ ANOS!

Não é novidade que a produção de armas gera muito dinheiro. Os meios de comunicação especializados em áreas de negócios lembram-no com bastante frequência: em períodos de valorização negativa das contas poupança e das obrigações do Estado é possível conseguir grandes lucros no sector de armamento: 500% em dez anos, 17,5% ao ano!

CHOVEM MILHÕES PARA OS USURPADORES DE CARACAS

“Pude dar-lhes a óptima notícia de que vou enviar 52 milhões de dólares em novos fundos da USAID para apoiar o governo interino e o povo da Venezuela”. As palavras são de Mark Greeen, presidente da Agência para o Desenvolvimento Internacional (USAID), uma entidade da esfera da CIA, durante o anúncio da dádiva de mais meia centena de milhões de dólares para os usurpadores e terroristas que pretendem derrubar o governo legítimo da Venezuela. Desde 2017, a “ajuda” directa ao golpe, só através da USAID, já ultrapassa os 550 milhões de dólares.

VIAGEM AO MUNDO DA VERDADE ÚNICA

Uma viagem ao mundo da “estratégia de comunicação” da União Europeia e respectivas emanações é uma experiência indispensável para confirmar os indícios de que os dirigentes europeus convivem cada vez mais desconfortavelmente com a liberdade de opinião. Na verdade, como ilustra essa incursão, já encaram a informação como propaganda, o contraditório como um abuso e a liberdade como um delito. Está aberto o caminho para a imposição da opinião única, em que se baseiam todas as formas de censura, desde a dos coronéis à dos “fact-checkers” contratados a peso de ouro por Bruxelas.

COREIA DO SUL E JAPÃO: AJUSTE DE CONTAS COM EFEITOS GLOBAIS

A Coreia do Sul exige ao Japão avultadas indemnizações, públicas e privadas, pelo trabalho escravo a que milhões de coreanos foram forçados durante a primeira metade do século XX; o Japão acha que não devem ser feitos ajustes de contas às vantagens económicas obtidas através de tragédias humanitárias e retalia a economia sul-coreana. O conflito entre dois dos gigantes tecnológicos e comerciais asiáticos tem potencial para abalar ainda mais a economia e o comércio mundiais.

GUERRA DE TRUMP À CHINA ABRE CRISE GLOBAL

No passado fim-de-semana o yuan, a moeda chinesa, saiu do seu padrão habitual e desvalorizou-se para mais de sete unidades contra um dólar norte-americano. Ao mesmo tempo, a China anunciou que deixa de comprar produtos agrícolas aos Estados Unidos. A estratégia comercial delineada por Trump e pelos neoconservadores norte-americanos implodiu. Passou-se de uma guerra de tarifas comerciais para uma guerra económica mais ampla, na qual serão aplicadas outras tácticas e medidas.

UNIÃO EUROPEIA ASSUME-SE COMO CAMPO DE BATALHA

A nova guerra fria começou de vez. Já não se trata de um confronto militar entre os Estados Unidos e a União Soviética, mas entre os Estados Unidos, por um lado, e o bloco Rússia-China, por outro. O abandono, por Washington, do Tratado de Mísseis de Médio Alcance (INF) e o anúncio de próximas conversações a três põe fim aos anos de incerteza que temos vindo a viver. A situação faz regressar a Europa Ocidental e Central ao estatuto da primeira guerra fria: o de um campo de batalha. Com o ámen da União Europeia.

CRIADOS ESQUADRÕES DA MORTE NA VENEZUELA

A estratégia para destruir o legítimo Estado constitucional venezuelano é constituída por múltiplas variáveis e diversos cenários. Entre eles, como agora ficou a saber-se, o recurso aos sangrentos esquadrões da morte, bandos de assassinos sustentados pelos interesses coloniais na América Latina. Foram criados na Venezuela pelo homem de Trump, Elliot Abrams, que há 30 anos os forjara na Nicarágua.

WASHINGTON ENTERRA TRATADO DE DESARMAMENTO

No próximo dia 2 de Agosto os Estados Unidos vão formalizar a sua retirada do Tratado INF, que proíbe a instalação de mísseis nucleares de médio alcance, entre 500 e 5500 quilómetros. Trata-se de um pró-forma, uma vez que o Pentágono decidiu há pelo menos um ano e meio violar esse tratado e torná-lo inútil.

Iniciar sessão

Recuperar password

goto top