O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.

IMPÉRIOS DO ARMAMENTO EXPÕEM MENTIRA DA NATO

O orgulho empresarial e comercial dos impérios armamentistas traiu a NATO. A norte-americana Lockheed Martin, fabricante dos sistemas ditos “defensivos” Aegis (o famoso "escudo defensivo"), informa nos documentos alusivos que os seus equipamentos estão em condições de lançar mísseis de qualquer tipo, defensivos e ofensivos, de médio e de mais longo alcance, aptos nomeadamente para “ataques contra objectivos terrestres”. Cai por terra a mais mítica e fantasista tese de propaganda da NATO: a de que a aliança apenas se “defende”.

UNIÃO EUROPEIA ASSUME-SE COMO CAMPO DE BATALHA

A nova guerra fria começou de vez. Já não se trata de um confronto militar entre os Estados Unidos e a União Soviética, mas entre os Estados Unidos, por um lado, e o bloco Rússia-China, por outro. O abandono, por Washington, do Tratado de Mísseis de Médio Alcance (INF) e o anúncio de próximas conversações a três põe fim aos anos de incerteza que temos vindo a viver. A situação faz regressar a Europa Ocidental e Central ao estatuto da primeira guerra fria: o de um campo de batalha. Com o ámen da União Europeia.

A NATO É QUEM MAIS ORDENA

"Relações excelentes", diz o primeiro-ministro italiano a Putin. Com excepção do que Washington e a NATO decidem - isto é, quase tudo

O CENSO VICIADO EM PORTUGAL

O censo de 2021 em Portugal pode estar viciado à partida porque, contrariando um Grupo de Trabalho formado para o efeito, não tenciona apurar dados étnico-raciais

EUROPA SERÁ REFÉM DE UMA GUERRA NUCLEAR

Washington vai instalar bombas nucleares em miniatura em países europeus, impondo a mentira de que uma guerra limitada não gera danos globais.

ALEMANHA EM VIAS DE GANHAR A I GUERRA MUNDIAL

Um após outro, a Alemanha vai concretizando os objectivos dominadores traçados há 106 anos, antes da Primeira Guerra Mundial

O REGRESSO DOS “EUROMÍSSEIS”

Os Estados Unidos anunciam que vão abandonar um tratado nuclear, o INF, que já violam desde que instalaram "escudos defensivos" na Polónia e Roménia

ARRANJOS EM BRUXELAS ATINGEM A ROMÉNIA

O autoritarismo romeno de capa "social-democrata" está a ser vítima dos acertos de contas entre as duas grandes famílias federalistas de Bruxelas

Iniciar sessão

Recuperar password

goto top