JORNAL DIGITAL DE INFORMAÇÃO INTERNACIONAL | DIRECTOR: JOSÉ GOULÃO

Domingo, 17 de Fevereiro de 2019

O LADO OCULTO
ANTÍDOTO PARA A PROPAGANDA GLOBAL
O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.
BASES PLANETÁRIAS DOS EUA: O IMPÉRIO DO TERROR

2019-02-16

São cerca de 800 em mais de metade dos países do mundo; algumas não saem do secretismo da clandestinidade permitida por governos corruptos ou corrompidos. É a geografia do terror através da qual o império norte-americano pretende demonstrar a sua força impondo o medo e a subjugação. Nessas bases não vigoram o direito internacional ou a lei, a não ser a da força e do poder arbitrário. Ou da arrogância imperial imposta a um Estado que permanece soberano, como em Guantánamo, em Cuba. As bases militares norte-americanas pretendem afirmar um domínio que tem como reverso o desespero de um globalismo decadente. Por isso, tendencialmente sem limites nem razão humana.

O LONGO DEDO DA CIA NAS ARMAS “HUMANITÁRIAS”

2019-02-15

Responsáveis pelo avião detectado fazendo contrabando de armas para a Venezuela têm antecedentes de colaboração com a CIA em operações clandestinas e de "ajuda humanitária".

HUMBOLDT, A VENEZUELA E A TRAIÇÃO DA EUROPA

2019-02-03

Dois séculos e meio depois do nascimento, a obra humanista e de visão integral do cientista alemão Alexander von Humboldt é de uma actualidade flagrante, até quando denuncia a traição da Europa para com a América Latina.

ABRAMS: “RESTABELECER DEMOCRACIAS” É COM ELE

2019-01-29

Se o objectivo é "restabelecer a democracia" na Venezuela, Trump e os seus falcões não poderiam ter escolhido melhor para assessorar o presidente "interino", Juan Guaidó, nesta tarefa. Elliot Abrams, o eleito, traz com ele um vasto currículo de 40 anos de experiência em golpes, conspirações, montagem de esquadrões da morte e operações terroristas, assassínios, acções clandestinas e guerras civis, sobretudo na América Latina - mas também no Médio Oriente. Não lhe falta sequer a experiência de ter tentado um primeiro golpe na Venezuela, em 2002, contra Hugo Chávez. "Restaurar a democracia"? O homem certo no lugar certo. Como o governo português sabe, por certo.

UNIÃO EUROPEIA AO LADO DE TRUMP CONTRA A VENEZUELA

2019-01-27

A União Europeia, com o governo português na linha da frente, colocou-se ao lado de Trump no golpe contra a Venezuela. Ao lado… para já não; os dirigentes europeus deram uma semana ao presidente legítimo, Nicolás Maduro, para convocar eleições - que aliás foram realizadas há oito meses; caso contrário reconhecem o mesmo "presidente interino" que os Estados Unidos indicaram. Um disfarce de uma semana para tentar manter aparências é uma atitude caricata que deixa a União a um nível rasteiro de subserviência a Trump. Sob ultimatos sucessivos e intervenção militar em preparação, no horizonte da Venezuela e dos povos da América Latina levantam-se terríveis ameaças contra milhões de pessoas, entre as quais a comunidade portuguesa - vítima da armadilha que lhes foi montada com a ajuda de quem manda em Lisboa.

NASCE A GUANTÁNAMO DO SUL

2019-01-20

O Brasil oferece território para uma base militar dos Estados Unidos, depois de já ter convidado tropas dos EUA para participarem em manobras na Amazónia

goto top

Recuperar password