JORNAL DIGITAL DE INFORMAÇÃO INTERNACIONAL | DIRECTOR: JOSÉ GOULÃO

Quinta-feira, 23 de Maio de 2019

O LADO OCULTO
ANTÍDOTO PARA A PROPAGANDA GLOBAL
O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.
A NATO E SETE DÉCADAS DE MENTIRAS, GUERRA E SANGUE

2019-04-03

Nasceu mentindo ao mundo e com mitos e mentiras transfigurou-se na polícia global ao serviço de um império que espezinha a dignidade humana e a soberania dos povos, tanto aliados como inimigos. A NATO completa 70 anos de arbitrariedade, guerra e sangue sujando assim os conceitos de liberdade, independência e direitos humanos ao colocá-los sob a pata da "liberdade do mercado" e do complexo militar, industrial e tecnológico que governa os Estados Unidos e pretende administrar todo o planeta. Em Portugal a NATO não se discute, engendrando-se assim um conflito constitucional com o qual sucessivos governos têm vivido muito bem. O povo e a democracia é que não.

MACRON, OU O GLOBALISMO FARDADO

2019-04-01

Ao enviar tropas para a rua reprimir manifestações, autorizando o uso de munições reais, Macron revelou até onde pode chegar o globalismo neoliberal que guia a União Europeia

NOVOS DADOS IMPLICAM KIEV NA TRAGÉDIA DO MH-17

2019-04-01

Um ex-alto funcionário dos serviços secretos da Ucrânia (SBU) vem acrescentar novos dados à "cumplicidade" do governo de Kiev no derrube do avião que fazia o voo MH-17, em 2014

TRUMP AMEAÇA RÚSSIA E ONU

2019-03-31

Ao contrário de outras invasões norte-americanas, a Rússia antecipou-se e enviou meios militares para a Venezuela. E Trump ameaça: "todas as opções estão sobre a mesa".

O ESTADO DA "DEMOCRACIA" HEREDITÁRIA

2019-03-30

Na União Europeia e respectivas franjas existem onze nações onde a representação do Estado é um cargo não eleito. Mas em termos de dinastias políticas não fica por aí o enviesamento da democracia.

O MASSACRE DE SHARPEVILLE E O RACISMO HOJE

2019-03-19

Sharpeville, África do Sul, 21 de Março de 1960. O massacre de 70 pessoas ficou assinalado na história como um dos crimes mais horrendos do racismo institucionalizado. A data assinala actualmente o Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial. Porque ela existe, manifesta-se de forma menos sangrenta - a não ser em Gaza, por exemplo - mas continua insidiosamente entranhada nas nossas sociedades. Há quem rejeite a realidade da discriminação racial, também em Portugal. Um negacionismo que é, afinal, uma forma de a perpetuar e contra o qual se se realiza um acto cívico nesta quinta-feira, uma concentração no Largo de S. Domingos, em Lisboa, a partir das 18 horas.

goto top

Recuperar password