O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.

ARGENTINA DEBATE-SE NA SELVA DE MACRI

A Argentina caminha para a bancarrota empurrada pelo neoliberalismo selvagem do presidente Macri sob as ordens do FMI e de Trump. Os argentinos respondem com uma greve geral e uma grande manifestação na próxima terça-feira.

A GLOBALIZAÇÃO E AS ESCOLHAS DOS BRASILEIROS

A cerca de duas semanas da ida às urnas, as escolhas dos brasileiros estão cada vez mais definidas: ou o progresso e a independência através da candidatura de esquerda de Fernando Haddad e Manuela D'Ávila; ou a submissão à globalização e ao neoliberalismo selvagem na forma do fascismo de Jaír Bolsonaro.

PALAVRAS PROIBIDAS: CENSURA SEM CORONÉIS

Apagar palavras dos conteúdos da comunicação social de grande consumo é uma técnica apurada de manipulação e censura. Proletariado, por exemplo, desapareceu, apesar de estar na base de toda a actividade económica. E revolução? A técnica é outra: desvirtuar a sua utilização.

RÚSSIA E CHINA RESPONDEM AO CERCO

Dois acontecimentos de grande envergadura testemunham o entendimento cada vez mais forte entre a China Popular e a Federação Russa nos domínios económico e militar: o Fórum de Vladivostok e as manobras militares Vostok 2018. Reforça-se o núcleo principal da oposição à globalização anglo-saxónica, dilui-se a unipolaridade.

SUÉCIA VÍTIMA DA PRAGA NEOLIBERAL

O que as eleições gerais suecas de 9 de Setembro disseram, em primeiro lugar, é que não existe Estado social que resista eternamente à implantação do neoliberalismo puro e duro. Tudo o resto decorre daí, e não haverá análise séria sobre os resultados e a situação no país que omita essa realidade fundamental.

CHINA E ÁFRICA DRIBLAM O FMI E O COLONIALISMO

Há outras formas de investir em África, dirigidas essencialmente ao encontro “do que os africanos necessitam”. A China demonstra-o.

A DISCRETA GUERRA COLONIAL NO SAHEL

Estados Unidos, França, Alemanha e Itália mantêm contingentes militares na zona africana do Sahel, alegadamente para "combater o terrorismo". A realidade exibe razões bem diferentes: guerra colonial, em suma

“ATAQUE QUÍMICO” EM IDLEB: OS SEGREDOS DA ENCENAÇÃO

Saiba aqui como os "Capacetes Brancos", um ramo dos serviços secretos britânicos, encenam um falso "ataque químico" na Síria para acusar o governo de Damasco e proporcionar nova agressão norte-americana para defende a al-Qaida

AS PONTES, AS PESSOAS E A GUERRA

Uma reflexão sobre pontes que se desmoronam, outras que a NATO destrói, outras que terão de ser reforçadas para as tropas da NATO passarem e na qual as pessoas não cabem

BRASIL: UM OLHAR DE HOJE SOBRE 500 ANOS DE HISTÓRIA

A relação do Brasil com a América Latina sempre foi, e continua a ser, alvo de profundas polémicas. Está consolidada a imagem de que o Brasil foi constituído de costas para o Continente, ignorando a África e de frente para os Estados Unidos da América e a Europa.

PRIVACIDADE DOS CIDADÃOS À DERIVA NA EUROPA

O Supremo Tribunal da Holanda decidiu que os serviços de espionagem dos Estados Unidos e do Reino Unido, entre outros, podem recolher dados sobre os cidadãos holandeses sem terem de submeter-se às leis do país. A vida privada à deriva

O ESTRANHO MUNDO DA FUNDAÇÃO INTERPOL

Entre os doadores e membros do Conselho da Fundação Interpol cruzam-se grandes patrões internacionais, Estados patrocinadores de terrorismo e corrupção, altos frequentadores de paraísos fiscais, ex-polícias que encobrem contrabandistas de diamantes de sangue.

Mais notícias...

Iniciar sessão

Recuperar password

goto top