JORNAL DIGITAL DE INFORMAÇÃO INTERNACIONAL | DIRECTOR: JOSÉ GOULÃO

Quarta-feira, 24 de Abril de 2019

O LADO OCULTO
ANTÍDOTO PARA A PROPAGANDA GLOBAL
O Lado Oculto é uma publicação livre e independente. As opiniões manifestadas pelos colaboradores não vinculam os membros do Colectivo Redactorial, entidade que define a linha informativa.
ARÁBIA SAUDITA ESTÁ A PERDER A GUERRA DO IÉMEN

2019-04-07

A guerra colonial contra o Iémen entrou no quinto ano e provocou a maior tragédia humanitária da actualidade; contudo, Arábia Saudita e Estados Unidos estão a perdê-la.

COMO A SUÍÇA DOMINA O MERCADO DO OURO

2019-04-06

Com menos de nove milhões de habitantes, sem ter uma única mina, não pertencendo à NATO e à UE, a Suíça é o maior exportador e importador mundial de ouro. As chaves do mistério.

BREXIT SERVIDO COM TROPA?

2019-04-05

A NATO marcou manobras na Grã-Bretanha num período que coincide com as datas originais do Brexit, sendo que o governo de May prepara a lei marcial no Reino Unido contra a "desobediência civil". Brexit ou "juízo final"? Tropa contra vontade popular?

JUSTIÇA VENEZUELANA REÚNE PROVAS CONTRA GUAIDÓ

2019-04-04

Saída ilegal do país, corrupção, incitamento à violência nas ruas são acusações contra Guaidó em relação às quais o aparelho judicial venezuelano continua a reunir provas

A NATO E SETE DÉCADAS DE MENTIRAS, GUERRA E SANGUE

2019-04-03

Nasceu mentindo ao mundo e com mitos e mentiras transfigurou-se na polícia global ao serviço de um império que espezinha a dignidade humana e a soberania dos povos, tanto aliados como inimigos. A NATO completa 70 anos de arbitrariedade, guerra e sangue sujando assim os conceitos de liberdade, independência e direitos humanos ao colocá-los sob a pata da "liberdade do mercado" e do complexo militar, industrial e tecnológico que governa os Estados Unidos e pretende administrar todo o planeta. Em Portugal a NATO não se discute, engendrando-se assim um conflito constitucional com o qual sucessivos governos têm vivido muito bem. O povo e a democracia é que não.

NOVOS DADOS IMPLICAM KIEV NA TRAGÉDIA DO MH-17

2019-04-01

Um ex-alto funcionário dos serviços secretos da Ucrânia (SBU) vem acrescentar novos dados à "cumplicidade" do governo de Kiev no derrube do avião que fazia o voo MH-17, em 2014

goto top

Recuperar password